• Página inicial
  • Técnicas

  • Profissionais

  • Dicas e Matérias

  • Contato
  • Institucional



Coenzima Q10: Uma aliada na Medicina Integrativa para a saúde e vitalidade

Publicado em 19/06/2023

Coenzima Q10: Uma aliada na Medicina Integrativa para a saúde e vitalidade

 

Mitocôndria: é onde acontece a respiração celular



A Coenzima Q10 (CoQ10) é um nutriente essencial encontrado naturalmente em nosso organismo. Também conhecida como ubiquinona, a COQ10 desempenha um papel fundamental no funcionamento celular e é especialmente relevante quando se trata de saúde e vitalidade. No organismo humano, essa enzima desempenha um papel importante na cadeia respiratória, atuando como um transportador de elétrons para a produção de trifosfato de adenosina (ATP) no interior da mitocôndria. Neste artigo, exploraremos o que é a COQ10, seus benefícios, alimentos ricos em CoQ10, os tipos de suplementos disponíveis no mercado, e as diferentes formas de administração, como suplemento, desse poderoso nutriente.


O que é a Coenzima Q10?


A CoQ10 é uma molécula lipofílica presente em todas as células do corpo humano. Ela desempenha um papel crucial na produção de energia nas mitocôndrias, envolvida nos processos de respiração celular, como "usinas de energia" das células. Além disso, a CoQ10 também atua como um poderoso antioxidante, protegendo as células contra os danos causados pelos radicais livres. A CoQ10 pode ser encontrada no organismo tanto em seu estado oxidado (chamado de ubiquinona) quanto reduzido (ubiquinol), sendo o estado de oxidação dependente da atividade energética e metabólica de cada tecido ou órgão. Embora fisiologicamente a CoQ10 seja sintetizada em praticamente todas as células do organismo, com o avanço da idade, má alimentação, tabagismo e em diversas condições patológicas, os níveis podem diminuir, o que pode comprometer a saúde e o bem-estar. Desta forma, a obtenção de CoQ10 através da dieta ou suplementação auxilia na manutenção dos níveis séricos e teciduais desta importante molécula, contribuindo para a prevenção e o tratamento de inúmeras condições clínicas (incluindo dislipidemias e doenças cardiovasculares), além de favorecer a melhora do desempenho cognitivo, auxiliar na recuperação muscular e no combate ao envelhecimento cutâneo.


 

Estrutura química da CoQ10 na forma Ubiquinona e Ubiquinol

 

 

Benefícios da Coenzima Q10:

A CoQ10 oferece uma variedade de benefícios para a saúde e bem-estar. Aqui estão alguns dos principais:

 

Energia e vitalidade: A CoQ10 desempenha um papel fundamental na produção de ATP, a molécula responsável por fornecer energia para o funcionamento celular. Ao aumentar os níveis de CoQ10, é possível promover a vitalidade e combater a fadiga. Na atividade física promove uma recuperação muscular reduzindo o estresse oxidativo causado pelo exercício intenso.

 

Saúde cardiovascular: A CoQ10 é especialmente satisfatória para o sistema cardiovascular. Ela ajuda a manter a saúde do coração, auxiliando na produção de energia necessária para o bom funcionamento do músculo cardíaco. Além disso, o CoQ10 pode ajudar a reduzir os níveis de triglicerídeo e LDL, o chamado "colesterol ruim", enquanto aumenta os níveis de HDL, o "colesterol bom".

 

Diminuição dos efeitos colaterais da estatina: O uso das estatinas (drogas redutoras de colesterol) traz consigo, como principal efeito adverso, a miopatia, variando de mialgias benignas a casos raros de rabdomiólise fatal, que limita seu uso. Além de inibir a enzima HMG-CoA redutase, necessária para a síntese de colesterol, a CoQ10 também é inibida, resultando em uma diminuição da CoQ10 sérica. Embora as estatinas reduzam os níveis circulantes de Coenzima, esse efeito é anulado pela normalização das concentrações de CoQ10. Inclusive, algumas pesquisas sugerem que a Coenzima Q10 pode ajudar a reduzir a dor muscular e a fraqueza como efeito colateral do uso de estatinas. Assim, ao uso de estatinas, é indicado o uso de suplementação com a CoQ10.

 

Poder antioxidante: A CoQ10 atua como um potente antioxidante, ajudando a combater os radicais livres e protegendo as células contra o estresse oxidativo, além de fortalecer a resposta imunológica do organismo. A diminuição do estresse oxidativo tem um impacto positivo na saúde da pele, no envelhecimento saudável e na prevenção de doenças crônicas.

 

Neuroprotetor e Desempenho cognitivo: O estresse oxidativo decorrente do acúmulo de radicais livres e/ou redução das defesas antioxidantes endógenas contribui para o envelhecimento do organismo, podendo estar relacionado ao desenvolvimento de diversas doenças neurodegenerativas, bem como ao declínio das funções cognitivas associado ao avanço da idade. Estudos científicos tem demonstrado que a CoQ10 pode atenuar o prejuízo cognitivo associado ao envelhecimento, bem como retardar a deterioração progressiva da função cognitiva em indivíduos com a Doença de Alzheimer e de Parkinson, sugerindo um efeito neuroprotetor.

 

Redução da dor associada à fibromialgia: Apesar dos mecanismos fisiopatológicos da fibromialgia ainda não serem completamente elucidados, foram observados nos pacientes achados como deficiência de CoQ10, disfunção mitocondrial, estresse oxidativo e ativação da mitofagia (remoção de mitocôndrias através da autofagia) de células mononucleares. A CoQ10 pode contribuir para o tratamento adjuvante dessa condição clínica reduzindo o estresse oxidativo e a inflamação, bem como promover um aumento dos níveis séricos de antioxidantes endógenos como glutationa e SOD e a diminuição da dor e ansiedade.

 

Alimentos ricos em Coenzima Q10:

Além dos suplementos, é possível obter CoQ10 através da alimentação. Alguns alimentos ricos nesse nutriente incluem:

Carne vermelha: Carnes como carne bovina, carne de porco e cordeiro são fontes naturais de COQ10.

Peixes gordurosos: Peixes como salmão, truta e sardinha são ricos em CoQ10, além de serem fontes saudáveis de gorduras ômega-3.

Oleaginosas: Nozes, castanhas e amendoim são alimentos que contêm CoQ10, fornecendo uma opção vegetariana para aumentar a ingestão desse nutriente.

 

Tipos de suplementos de CoQ10 no mercado:

Existem diferentes formas de CoQ10 disponíveis no mercado, cada uma com suas características específicas. Entre elas, destacam-se:

Ubiquinona : Essa é a forma oxidada da CoQ10 e mais comumente encontrada nos suplementos. É gerado pelo organismo e convertido em ubiquinol.

Ubiquinol : Essa é a forma reduzida(ativa) e biodisponível da CoQ10, que já está pronta para ser utilizada pelo organismo. O ubiquinol é recomendado para pessoas com dificuldades de conversão da ubiquinona em ubiquinol.

CoQ10 lipossomal : Os suplementos de CoQ10 lipossomal contêm CoQ10 encapsulada em lipossomas, que são pequenas vesículas lipídicas. Essa forma aumenta a biodisponibilidade da CoQ10, permitindo uma absorção mais eficiente.

 

Formas de administração da COQ10:

A CoQ10 está disponível em diferentes formas de administração, dependendo das necessidades individuais e pessoais. Algumas opções incluem:

 

Suplementos orais: Cápsulas e comprimidos são as formas mais comuns de suplementação de CoQ10. Recomenda-se seguir as instruções do fabricante e, se necessário, buscar orientação de um profissional de saúde.

 

Cremes adicionados: Alguns cremes contêm CoQ10 e podem ser aplicados diretamente na pele. Esses produtos podem ter benefícios antioxidantes e antienvelhecimento.

 

Via intramusculares: A Coenzima Q10 é um ativo lipofílico e, por essa razão, seu veículo é oleoso. Portanto, seu uso parenteral é indicado exclusivamente pela via intramuscular, que permite uma administração de forma segura, promovendo a formação de depósito do ativo no músculo, com liberação lenta e gradativa. Além de promover uma otimização dos resultados e melhora da resposta terapêutica, é uma excelente opção para pacientes com dificuldade absortiva e baixa adesão aos tratamentos via oral.

 

Lembrando que antes de iniciar qualquer tipo de suplementação, é importante consultar um profissional de saúde qualificado, que poderá avaliar suas necessidades individuais e recomendar a melhor abordagem para você.

 

Conclusão:

A Coenzima Q10 desempenha um papel essencial na manutenção da saúde e vitalidade em nível celular. Seus benefícios abrangem desde a promoção de energia e vitalidade até a proteção contra o estresse oxidativo e suporte ao sistema cardiovascular. Para apropriados processos de respiração celular e produção de ATP, quantidades adequadas de CoQ10 são necessárias. E, com o passar dos anos, a produção endógena é reduzida, tornando a suplementação essencial. Ao considerar a suplementação, é sempre recomendável buscar orientação de um profissional de saúde para garantir o uso adequado e seguro da CoQ10.

 

Um abraço,

Equipe ArvoreSer

 


Compartilhe:

 




Visualizações: 1137

Entre em contato

Site seguro

https://arvoreser.med.br/ https://arvoreser.med.br/